AMADOU & MARIAM

12 Jun 2019

AMADOU & MARIAM

AMADOU & MARIAM

CICLO MUNDOS

Sinopse

Datas e Horários

12 JUN
Qua 21:00

Sala e Preços

Classificação

M/6

AMADOU & MARIAM Mali
Já tudo se disse sobre Amadou & Mariam. Ambos cresceram na arte do encontro, no sentido do jogo coletivo e no espírito de abertura junto a músicos de todos os horizontes e estilos. As suas digressões planetárias permitiram-lhe sedimentar amizades duradouras. Vincent Ségal, Keziah Jones ou Knaan foram convidados e parceiros, o trompetista libanês Ibrahim Malouf ou o guitarrista inglês Johnny Marr impelidos a improvisar com o casal, Manu Chao e Damon Albarn a produzi-los com sensibilidade e entusiasmo. O blues maliano e o afro-blues foram as suas primeiras ferramentas para comunicar histórias e costumes. Com o tempo começaram a misturá-los com o rock e a música eletrónica. Mostrando essa fusão de sons prodigiosos, o duo maliano, que já foi nomeado para os Grammys, é um coletivo incontornável na história da música africana de dimensão mundial. Lançaram o seu último álbum em 2017 “La Confusion” e tem estado em digressão um pouco por todo o mundo a apresentar este novo trabalho.

 

1ª Parte
TOQUES DO CARAMULO
Puro folk serrano! Os Toques do Caramulo reinventam-se continuamente, fazendo música nova das velhas cantigas e levando o público a surpreender-se com o repertório esquecido da Serra do Caramulo. Com amplo reconhecimento nacional e internacional, este é um espetáculo de forte energia musical e interação com o público, fazendo de cada concerto uma grande festa para todas as idades.

 

 

CICLO MUNDOS

Desde 2016, no âmbito de uma parceria global com o Festival Músicas do Mundo de Sines, que a Fundação INATEL promove, em Lisboa, no Teatro da Trindade INATEL, a iniciativa musical Ciclo Mundos – programa anual que abre caminho e dá espaço à música que se faz no mundo, protagonizando uma atitude que reflete e representa os valores e os grandes propósitos que enquadram a atividade da Fundação.
O Ciclo Mundos pretende gerar sinergias e oferecer ao público uma proposta musical intercultural, intergeracional e universalista, com fortes raízes nas culturas populares, numa Lisboa multicultural, posicionando-se como um espaço plural que acolhe e celebra o legado intangível da Humanidade, reafirmando e projetando o seu respeito pelas tradições culturais.

Ficha artística