Refugees For Refugees Band

28 Mai 2019

Refugees For Refugees Band

CICLO MUNDOS

Sinopse

Datas e Horários

28 Mai
Ter 21:00

Sala e Preços

Classificação

M/6

REFUGEES FOR REFUGEES BAND
Banda que reúne músicos reconhecidos da Síria, do Tibete, do Paquistão, do Iraque, do Afeganistão e da Bélgica, unidos pelo desejo de tecer ligações entre a sua música. O grupo desenvolveu um repertório original na encruzilhada das suas diferentes tradições. Após dois anos de colaboração, este segundo álbum inicia um novo capítulo na história dos Refugees for Refugees. Representa a reconstrução, a energia nova necessária para mapear uma nova trajetória depois de ter sido desenraizada. Derrubando barreiras musicais, o grupo oferece um rico cardápio de sons, de canções populares afegãs ao refinamento da tradição clássica de Aleppo e Bagdad, através da força pura dos cânticos nómadas tibetanos, da leveza dos sons do Sarod paquistanês, das subtilezas do oud turco e da percussão oriental.

 

1ª Parte
URZE DE LUME
Fundado no inverno de 2009, URZE DE LUME é uma forma de memória viva do imaginário ancestral português.
Fortemente inspirado pela tradição ibérica, o projecto procura através da música celebrar as raízes que alimentam a identidade de um povo e que o unem à sua terra.
O seu repertório transmite a alma sobrevivente de uma era em que homem e natureza caminhavam lado a lado, com o respeito pela terra, pelo oculto, e pela sua origem.
Ao longo dos anos, URZE DE LUME veio a afirmar-se como expoente máximo em Portugal de um novo movimento que abraça a espiritualidade e as tradições atávicas não apenas como pontos de partida mas também como directrizes fundamentais nas suas incursões pela música Folk, onde pontificam sobretudo instrumentos étnicos da Península Ibérica, entre os quais o rabel, a gaita mirandesa ou a guitarra campaniça. URZE DE LUME são Ricardo Brito, Tiago Matos, Gonçalo do Carmo e Hugo Araújo.

 

 

CICLO MUNDOS

Desde 2016, no âmbito de uma parceria global com o Festival Músicas do Mundo de Sines, que a Fundação INATEL promove, em Lisboa, no Teatro da Trindade INATEL, a iniciativa musical Ciclo Mundos – programa anual que abre caminho e dá espaço à música que se faz no mundo, protagonizando uma atitude que reflete e representa os valores e os grandes propósitos que enquadram a atividade da Fundação.
O Ciclo Mundos pretende gerar sinergias e oferecer ao público uma proposta musical intercultural, intergeracional e universalista, com fortes raízes nas culturas populares, numa Lisboa multicultural, posicionando-se como um espaço plural que acolhe e celebra o legado intangível da Humanidade, reafirmando e projetando o seu respeito pelas tradições culturais.

Ficha artística